Skip to content

Preview 2010-2011: Golden State Warriors

24/09/2010

O Golden State Warriors é a bola da vez nos Previews para a temporada 2010-2011.

Titulares: Stephen Curry, Monta Ellis, Dorell Wright, David Lee, Andris Biedrins

Reservas: Charlie Bell, Reggie Williams, Vladimir Radmanovic, Brandan Wright, Louis Amundson, Jeremy Lin, Rodney Carney, Ekpe Udoh, Dan Gadzuric

Técnico: Keith Smart

Última temporada: Loteria, 8ª escolha geral (Udoh).

Previsão: Loteria

O Golden State Warriors é, possivelmente, o time que mais modificou seu elenco e sua estrutura nos últimos meses. Se não bastasse ter reformulado completamente o seu elenco, a equipe teve mudanças notáveis fora de quadra. Chris Cohan, ex-dono da equipe, vendeu o Warriors para Peter Gruber e Joe Lacob, do grupo Mandalay Entertainment. Só esta mudança já é motivo para os fãs do Warriors ficarem esperançosos, pois Cohan era tido como a âncora que puxava o Warriors para baixo.

Na beira da quadra, a equipe também passou por uma mudança sensível: o técnico Don Nelson se afastou do time, deixando as rédeas da equipe para seu assistente Keith Smart, que terá a sua frente um elenco reformulado e bastante jovem. A base da equipe é a veloz dupla de armadores Stephen Curry e Monta Ellis, que precisa provar que consegue co-existir. Caso não provem, é provável que Ellis seja negociado, já que Curry é muito bem quisto pela organização.

Juntamente com a dupla no quinteto titular estão duas das principais contratações do time: Dorell Wright, reserva do Miami Heat nas últimas temporadas, e David Lee, o ex-astro do New York Knicks que precisa provar que não é mais um jogador criado pelo sistema de Mike D’Antoni. No miolo do garrafão, Andris Biedrins, um dos jogadores mais consistentes do elenco – ainda que o mais discreto do mesmo.

O banco está quase que totalmente modificado. Da temporada passada, apenas Vladimir Radmanovic, Brandan Wright e Reggie Williams permaneceram, recebendo a companhia dos ex-Milwaukee Dan Gadzuric e Charlie Bell, do ex-Phoenix Suns Louis Amundson e do ex-Philadelphia 76ers Rodney Carney – mais os novatos Jeremy Lin e Ekpe Udoh.

Se esta mistura vai dar certo, não sabemos. Acreditamos que nem mesmo Keith Smart saiba o que lhe espera. São muitas coisas a se provarem e geralmente um time de playoffs precisa ter mais certezas que dúvidas. Por isso, é difícil ver o time de Oakland superar o seu resultado de temporadas passadas e voltar para a pós-temporada.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: